As Proteínas são fundamentais para ganhar massa muscular. São elas que formam as fibras musculares, então é importante saber ler as informações nutricionais de todos os alimentos. Vários praticantes de musculação erram neste requisito aumentando o consumo de carboidratos, assim, gerando as indesejáveis gorduras localizadas.

Vimos então a importância de acrescentar a whey protein, ou alguma outra forma de proteína diariamente, com 25g de proteínas, 3g de carboidratos e o mínino de gorduras por dose. Naturalmente o whey protein tem glutamina e BCAA, que são aminoácidos importantes no combate dos radicais livres, hormônio que prejudica a formação muscular.

Tipos de Proteínas:

São:

  • Albumina: extraída das claras de ovos, com melhor custo benefício que as demais. Cada dose com aproximadamente 24g de puras proteínas, isentas de carboidratos e gorduras;
  • Whey Protein: uma das mais consumidas, de formas Isoladas, Hidrolisadas e Concentradas. Alto valor biológico, isto é, o nosso organismo absorve mais velocidade;
  • Soja: mais indicadas para as mulheres pelos seus fatores hormonais. Pouco indicada para formação muscular.
  • Carne: inovação no mercado, com mais aminoácidos que a whey protein, melhor absorção. Indicada para ganhar massa muscular. Ideal deve ser isenta de gorduras e carboidratos.

Como tomar Proteínas:

O melhor horário para o consumi é sempre após os treinos de musculação, onde o organismo necessita mais desses nutrientes. Antes não teria o porquê, onde durante os treinos o corpo necessita de energia, isto é, carboidratos.

Normalmente o cálculo de proteínas diárias para homem é seu peso x 1,8. Então um atleta de 70 kg deve consumir em média no mínimo 126g de proteínas para obter o desejável aumento muscular.

Antes de dormir, o ideal seria o consumo das proteínas Caseínas, onde possui propriedades de absorção mais lentas que as demais. Assim o organismo teria proteínas por toda a noite de sono.

Atletas magros, que desejam aumentar o peso, o  ideal o consumo de proteínas com o mesmo conceito, mas adicionando carboidratos sempre em todas as refeições. Comer de três em três horas. Acrescente BCAA, Glutamina e Creatina próximos aos treinos, onde existe maior desgaste.