Vitamina A

Sobre Suplementação com Vitamina A:

Esta vitamina não é fabricada pelo organismo, então seu consumo é de extrema importância. O caroteno é uma excelente fonte de Vitamina A e seguem algumas fontes: espinafre, abóbora, cenoura e manga.

Sugestão de como tomar?

Consumir uma cápsula ao dia (varia conforme dosagem do fabricante), sendo o recomendado é 5.000UI para os homens e 2.500 UI para as mulheres.

Indicações e Benefícios:

Atua no organismo como antioxidante, combatendo os radicais livres retardando a ação de envelhecimento. Mas uma das principais indicações é a proteção e funcionamento dos olhos, prevenindo dificuldades de enxergar com pouca iluminação. Ajuda no sistema imunológico e nas defesas do organismo contra as doenças como infecções como diarréia e respiratória.

Para os olhos: A vitamina A é importante para a visão porque protege a córnea, parte do olho que transmite e concentra a luz que entra no olho. A baixa ingestão deste nutriente pode fazer com que a pessoa tenha dificuldade em enxergar em locais com a luz fraca e causar alterações oculares, em casos extremos pode levar à cegueira total.

Importante para a pele: A vitamina A é necessária para manter a integridade e função das células da pele e das mucosas. Além disso, o nutriente age na reparação do epitélio da pele. Alguns estudos tentaram comprovar se a vitamina A ajuda a prevenir ou tratar o câncer de pele, porém nada ainda foi comprovado.

Contribui para o crescimento: A vitamina A contribui para o crescimento de diferentes maneiras. Ela é essencial para a proliferação e divisão celular e também regula a expressão do gene para a formação do hormônio de crescimento, o GH.

Evita infecções: É importante destacar que as células da pele e das mucosas, que revestem as vias respiratórias, do aparelho digestivo e do trato urinário, atuam como uma barreira e são a primeira linha de defesa do corpo contra infecções. Desta forma, a vitamina A é importante porque mantém as funções e a integridade dessas células.

Além disso, o nutriente age no desenvolvimento e diferenciação de células brancas do sangue, tais como os linfócitos, os quais desempenham papel principal no sistema imunológico. A ação antioxidante desta vitamina irá contribuir para que ela tenha um efeito protetor.